Segunda, 18 de Outubro de 2021
°

-

Brasil Internet

Estrutura para internet 5G será instalada em Florianópolis

Entretanto, para que todos os usuários sejam contemplados pela tecnologia 5G, não basta disponibilizar antenas que garantam a conexão, mas possuir dispositivos compatíveis

04/10/2021 às 08h49
Por: Redação
Compartilhe:
Estrutura para internet 5G será instalada em Florianópolis

Câmara de Vereadores de Florianópolis aprovou, na última quarta-feira (29), um projeto de lei que tem o objetivo de atualizar as normas municipais no que diz respeito à chegada da tecnologia 5G na Capital.

O edital que propõem as mudanças estava em trâmite desde 2019, quando foi sugerido pelo vereador Miltinho Barcelos (DEM). Na época, a sugestão foi arquivada pela Câmara, e voltou a ser pauta dos vereadores somente neste ano, quando foi desarquivado pela vereadora Manu Vieira (Novo), e aprovado em primeiro turno.

Uma nova votação deverá acontecer nesta segunda-feira (4), quando será decidido a partir de que data a infraestrutura para a tecnologia começará a ser instalada na Capital, bem como quais serão os seus procedimentos legais.

Conforme o superintendente de Tecnologia da PMF (Prefeitura Municipal de Florianópolis), Marcos Lichtblau, “a internet 5G será instalada com a finalidade de garantir a continuidade do desenvolvimento econômico da Capital”.

 

A 5G proporcionará alta e ampliada taxa de conexão dos usuários, diz Bergamo. Isso porque as informações que serão transferidas de um equipamento para o outro, demorarão menos tempo para serem processadas e abertas.

Esses fatores consumirão menos energia dos equipamentos, o que também irá gerar uma maior eficiência energética neles, garantindo assim mais tempo de vida útil dos dispositivos.

Outra característica importante desse novo modelo de conectividade, cita o professor, é a baixa latência que ela apresentará. Ou seja, o tempo de resposta entre os comandos dados aos dispositivos móveis e o tempo que eles levam para processar essa informação, diminuirá, proporcionando mais agilidade aos usuários. “O 5G vem para conectar tudo”, diz Rubem.

Como será feita a implementação da internet 5G em Florianópolis?

De acordo com Marcos Lichtblau, para realizar a instalação desse novo serviço, é necessário infraestrutura, “mais especificamente, de antenas”. Isso porque os antigos modelos de internet, como o 3G e o 4G, funcionavam a partir da transferência de sinais em torres metálicas.Para o 5G, será necessária a instalação de, pelo menos, dez vezes mais antenas do que as já existentes no município, devido a alta funcionalidade da banda larga desta conexão.

Segundo Marcos, todas essas novas – e antigas – antenas, deverão ser conectadas por fibra óptica, por conta da receptibilidade do sinal.

Esse novo cabeamento em Florianópolis é uma das principais pautas que estão sendo aprovadas no projeto da Câmara de Vereadores. Antigamente, por conta da lei então em vigor, bairros periféricos, por exemplo, não recebiam sinal de internet, pois não possuíam em seus terrenos o tamanho de área frontal determinado para a instalação de uma antena.

Com a aprovação do projeto, as antenas 5G, que são do “tamanho de uma garrafa térmica”, conforme explica Marcos, caberão dentro do imobiliário urbano, e chegarão até os pontos onde antes não tinham conectividades, bem como no restante da cidade.

Dessa forma, a Prefeitura prevê a chegada uniforme da 5G em todos os pontos de Florianópolis. Uma vez que a lei for atualizada, ela será regulamentada no Executivo, e as operadoras telefônicas terão sinal verde para instalar os equipamentos.

Quem poderá utilizar esse novo formato de conectividade?

No papel, o projeto visa alcançar todos os bairros da Capital. Na prática, o professor do IFSC relembra que “não basta ter a 5G, tem que ter dispositivos para usar a 5G”. Ou seja, para poder usufruir deste benefício, a população deverá ter dispositivos móveis compatíveis com a nova conexão.

Dessa forma, diferentes planos de internet serão montados e disponibilizados pelas agências de telecomunicações, e os usuários poderão optar por aquele de sua preferência, selecionando, principalmente, a quantidade de gigabytes que gostariam de ter em suas residências e espaços comerciais.

Tanto Rubem quanto Marcos afirmam que no início, por ser uma ainda nova tecnologia, elas deverão ter seu custo elevado, quando comparada com as atuais conexões. Entretanto, uma vez difundidas, elas deverão ser barateadas, ganhando espaço e acessibilidade entre a população.

Benefícios da 5G

Com a implementação da tecnologia na Capital, novos empregos serão gerados e uma nova massa salarial será formada no município. Segundo Marcos, isso irá beneficiar todas as áreas econômicas municipais, gerando lucros que serão convertidos em impostos, mais tarde utilizados para a construções de escolas e outros espaços públicos.

Além disso, o 5G “vai gerar mais seguranças para os usuários, ele vem com uma premissa de segurança muito forte, de etapas de segurança, ele fortalece as criptografias, tem ferramentas mais robustas em termos de segurança”, explica o professor.

Isso é importante porque o 5G visa atender não só os usuários que utilizam o meio para ver séries e filmes e para jogar jogos virtuais, mas também a saúde, a indústria 4.0 e a telemedicina, por exemplo.

O comando de diversas máquinas poderão ser feitos de maneira simplificada, sem interferência, conforme explica Rubem. “O 5G ele tem que vir para melhorar a vida das pessoas, para trazer instrução e qualidade de informação”, finaliza.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias