Terça, 03 de Agosto de 2021 20:18
47 9.9201.1173
Polícia Disparos

Menino de 11 anos levou dois tiros de arma de fogo após atravessar uma propriedade particular

Foram identificadas duas perfurações na altura do quadril

22/07/2021 11h54
Por: Redação
Menino de 11 anos levou dois tiros de arma de fogo após atravessar uma propriedade particular

Um menino de 11 anos levou dois tiros de arma de fogo após atravessar uma propriedade particular com alguns amigos nesta quarta-feira, 21, em Santa Catarina. O acaso aconteceu por volta das 20h, na rua Esaú Bayer Laus, em Tijucas, na Grande Florinópolis.

Atendida pelo Corpo de Bombeiros, a criança foi encontrada consciente e orientada. No hospital para o qual foi encaminhada, foram identificadas duas perfurações na altura do quadril e os médicos confirmaram ser projétil de arma de fogo.

A lesão foi superficial, nenhum órgão da vítima foi atingido e ela foi liberada para ficar com os pais para irem até a delegacia de Polícia Civil de Itapema. O possível autor do disparos foi encaminhado para realizar o exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) de Tijucas.

Relato

A vítima conta que estava atravessando uma propriedade com alguns amigos quando ouviu um grito de um homem e, logo após, ouviu também dois disparos de arma de fogo. Disse que começou a correr com os amigos quando percebeu que os tiros haviam lhe atingido.

No entanto, a vítima reconhecia o dono da propriedade e a informação foi confirmada por mais duas crianças que haviam estado no momento do crime. De acordo com elas, era um senhor de 61 anos o autor dos disparos.

Busca

Após o primeiro atendimento, a polícia solicitou reforço e se deslocou até a residência onde as crianças afirmaram que o homem estava. Ao chegarem no local, tentaram verbalizar mas não obtiveram resposta, porém, havia o som de um rádio tocando no interior do imóvel.

Após tentativas de contato verbais sem sucesso, decidiram por arrombar a porta, porém, nada ilícito nem ninguém foi encontrado. Após se deslocarem do imóvel vazio, a viatura policial teve êxito em abordar um homem suspeito que caminhava por uma rua próxima. Ele estava na posse de uma faca de serra no bolso e levava uma bicicleta.

Indagado sobre ser o autor do crime, o senhor que tinha 61 anos negou. Ele então foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para fazer o exame de corpo de delito. Após o a realização do exame, se deslocaram até a delegacia da Polícia Civil com o autor para que os procedimentos cabíveis fossem tomados.

Enquanto a criança era liberada do hospital e o homem realizava o exame no IML, uma segunda viatura se deslocou até a residência do possível autor do crime para realizar uma busca intensa no perímetro, mas não obtiveram sucesso.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias